Teste

Breaking News

44% dos eleitores dizem que não votariam em Collor "de jeito nenhum", aponta pesquisa


O ex-presidente Fernando Collor de Mello (PTC) estreou na pesquisa para o Palácio do Planalto como um dos líderes em rejeição. Segundo o Datafolha, 44% dos eleitores dizem que não votariam em Collor "de jeito nenhum" - taxa semelhante à de Luiz Inácio Lula da Silva (40%).
Collor, que deixou a Presidência em meio a um processo de impeachment em 1992, aparece com até 3% das intenções de voto.
Em um dos quadros, ele tem 1%, numericamente empatado com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), e com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (PSD).
Collor é filiado a um partido nanico e se lançou ao Planalto há duas semanas. Maia e Meirelles trabalham por seus nomes há cerca de três meses, abrigados em siglas maiores.
A rejeição a Collor só é menor do que a de Michel Temer. Quando o presidente é apresentado como candidato, 60% dos eleitores dizem que não votariam nele.
A proporção de eleitores que rejeitam o ex-presidente Lula ficou estável -apesar de sua condenação em segunda instância, na semana passada. Em novembro, a taxa era de 39% e, agora, oscilou para 40%. 

Nenhum comentário