Teste


Breaking News

MP-BA investiga servidores que se licenciaram para eleições, mas não disputaram pleitos




O Ministério Público da Bahia (MP-BA) abriu dois inquéritos para investigar servidores públicos que pediram licença dos cargos para disputar as eleições de 2014 e 2016, sem que tivessem efetivamente participado do processo eleitoral. 

Segundo publicações do Diário da Justiça desta quarta-feira (13), as apurações foram instauradas na segunda (10). As investigações foram abertas após a Procuradoria Regional Eleitoral verificar irregularidades na candidatura destes servidores.

No caso do inquérito sobre as eleições de 2014, 10 servidores estão sendo investigados. O Bahia Notícias apurou que um deles se candidatou a deputado estadual pelo PHS, mas acabou tendo a candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). Já em relação à investigação sobre o pleito de 2016, o MP-BA não soube informar quantas pessoas são alvos do inquérito.

Procurada pelo BN, a assessoria de comunicação do MP-BA disse que não poderia fornecer os nomes dos investigados porque ainda está em fase inicial de averiguação dos casos. O órgão também não soube informar por quais cidades os investigados se candidataram em 2016, ano de eleições municipais para prefeito e vereadores.  O MP pediu à Justiça Eleitoral informações sobre os alvos dos inquéritos.

Nenhum comentário