Teste


Breaking News

Chapada Diamantina tem natureza para todo tipo de viajante


O pôr do sol no alto do Morro do Pai Inácio abraça os turistas que chegam em busca de imersão na natureza da Chapada Diamantina. Do topo, a exuberante paisagem dá uma pequena ideia da dimensão da beleza que espera pelos viajantes. São mais de 38 mil km² ⏤ repletos de vegetação bem preservada, cachoeiras grandiosas, trilhas desafiadoras, grutas de beleza irretocável e charmosas cidades. Tantas atrações juntas fazem da Chapada Diamantina um dos melhores destinos do Brasil para quem busca aventura e ecoturismo. Não faltarão cenários incríveis para os dias de viagem. E o melhor é saber que a Chapada Diamantina tem natureza para todo tipo de viajante: dos que buscam passeios bem fáceis até os que desejam aventura extrema. A Chapada Diamantina tem beleza para todo mundo.

A região da Chapada Diamantina ⏤ localizada no interior do estado da Bahia e da qual faz parte o Parque Nacional da Chapada Diamantina ⏤ recebe os viajantes com uma excelente infraestrutura turística. Há boas opções de hotéis, restaurantes e agências de viagem que auxiliam nos passeios em meio à natureza. A principal base para quem deseja conhecer a Chapada Diamantina é Lençóis, onde está o único aeroporto da região e também grande parte da infraestrutura destinada ao turismo. Ainda que Lençóis seja a principal cidade, localidades como Mucugê, Vale do Capão, Igatu e Ibicoara também se destacam na recepção aos viajantes. O melhor é percorrer a Chapada Diamantina utilizando diferentes bases, assim será possível economizar no tempo de deslocamento, já que estamos falando de uma região de 38 mil km². 
Os principais pontos turísticos da Chapada Diamantina estão todos ligados ao ecoturismo. E o objetivo de grande parte dos visitantes que chegam à região é mesmo apreciar o máximo possível de cenários naturais. Só de cachoeiras são mais de 360 catalogadas. Praticamente uma cachoeira por dia do ano! Claro que ir a todas será tarefa impossível, sendo assim, comece pelas mais famosas. A Cachoeira da Fumaça, a Cachoeira do Buracão e a Cachoeira do Mosquito são boas pedidas para iniciar o passeio pela Chapada, mas bom mesmo é ter tempo para ir à Cachoeira do Sossego, à Cachoeira da Fumacinha e tantas outras belas quedas d’água que existem por lá. E, para chegar a cada uma delas, sempre haverá uma linda trilha a ser percorrida. Algumas de poucos minutos, outras de vários dias, como o incrível Vale do Pati, considerado um dos mais belos trekkings do Brasil.
Além das cachoeiras, outras atrações que despertam a atenção dos turistas são os poços dentro das grutas, onde o efeito do facho de luz proporciona incrível espetáculo! Vale ir ao Poço Azul, ao Poço Encantado, à Gruta da Pratinha e à Gruta Azul. Todos são experiências dignas de muitas fotos. Para os mais aventureiros, vale subir e descer as grutas e paredões rochosos em práticas de rappel, escalada ou boulder. Tudo depende do grau de habilidade do viajante. Não faltará opção para se aventurar na Chapada. 

Decidir o que fazer em um destino turístico tão rico quanto a Chapada Diamantina não será fácil, por isso preparamos um guia para ajudar na tarefa de explorar a região. Aqui você encontrará detalhes sobre como chegar à Chapada Diamantinaonde se hospedar, como fazer os passeios, dicas sobre as agências de turismo, as principais atrações e vários roteiros para conhecer a Chapada Diamantina. Temos a certeza que você, assim como a gente, também vai se apaixonar. E para começar bem a viagem, suba no alto do Pai Inácio e procure o coração de pedra que existe por lá. Ele é o retrato perfeito da paixão que a Chapada Diamantina causa nos viajantes. Não resista. A Chapada é mesmo desses lugares que guardamos pra sempre no coração. 

Nenhum comentário