Teste


Breaking News

Justiça acolhe denúncia e Haddad se torna réu por corrupção e lavagem de dinheiro


O ex-candidato à Presidência da República e ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), se tornou réu, nesta segunda-feira (19), por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O juiz da 5ª Vara Criminal da Barra Funda, Leonardo Barreiros, acolheu a denúncia do promotor do Grupo Especial de Delitos Econômicos, Marcelo Mendroni.
Entre abril e maio de 2013, segundo o Ministério Público de São Paulo, Haddad teria pedido R$ 3 milhões à empreiteira UTC Engenharia, através do tesoureiro nacional do PT, João Vaccari Neto. O valor seria para pagar dívidas de campanha com a gráfica de Francisco Carlos de Souza, o ‘Chicão Gordo’, ex-deputado estadual do partido.
O Ministério Público se baseou em delações feitas na Operação Lava Jato para fazer a denúncia. O ex-prefeito também foi acusado de formação de quadrilha, mas esta parte não foi acatada pela Justiça.

Nenhum comentário