Teste


Breaking News



Secretaria de Trabalho e Assistência Social realiza ação de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes


Em alusão ao dia 18 de Maio, data Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, a secretaria de Trabalho e Assistência Social, em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e o Conselho Tutelar de Luís Eduardo Magalhães, realizou no último sábado, uma ação para colagem de cartazes informativos e entrega de panfletos nas principais ruas e comércios do município.

Para o secretário da pasta, Fábio da Rocha, o apoio da população é fundamental para denunciar casos de abuso e de violência sexual cometidos contra crianças e adolescentes em Luís Eduardo Magalhães. “Muitas pessoas não sabem como proceder, quem chamar ou para onde ligar para conseguir ajuda quando casos como este, infelizmente acontecem. Esta campanha vem justamente para isso. As pessoas podem denunciar para o disque 100 ou então para o Conselho Tutelar, através do número 3628 1293”, comentou.

Objetivando mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes, especialmente o direito de crescerem saudáveis e livres do abuso e da exploração sexual, a secretaria de Trabalho e Assistência Social realiza ainda, no próximo dia 27 de maio, uma grande caminhada em Luís Eduardo Magalhães. A concentração acontece em frente à secretaria, localizada na Avenida Barreiras, a partir das 15h e todos estão convidados a participarem da ação.

Sobre o 18 de Maio - O dia é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune.












Assessoria de Comunicação (ASCOM)
Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães/BA

Nenhum comentário