Teste


Breaking News



Processado por Marcão do Povo, Uziel se defende: 'Não tem coragem de me encarar'




Âncora do programa Primeiro Impacto, do SBT, Marcão do Povo processou o apresentador do programa Brasil Urgente na Bahia, Uziel Bueno. Segundo o Observatório da Televisão, a ação acontece por conta de críticas do baiano. A audiência de conciliação ocorre no dia 30 deste mês, às 8h30, no Fórum Ruy Barbosa.

O processo se deu porque Uziel questionou uma opinião dada por Marcão no Instagram. Ele criticou uma operação feita pelo Corpo de Bombeiros do estado, que resgatou uma pessoa que havia ficado ilhada durante as enchentes que ocorreram em Salvador naquela ocasião. À época, ele concordou com o comentário de uma pessoa que gravou o vídeo e pediu que a vítima tivesse “menos frescura”. 

Revoltado, Uziel respondeu em seu programa às críticas de Marcão e o acusou de ser xenofóbico. Em nota, os bombeiros alegaram que o resgate foi feito daquela forma pois havia risco de uma descarga elétrica atingir os profissionais. Marcão, inclusive, apagou a postagem na época devido a repercussão ruim.

Em contato com a reportagem do Bahia Notícias, Uziel afirmou que não se arrepende das críticas. “Eu vou ser bem sincero: se for para receber processo por eu estar defendendo bombeiros nordestinos e baianos, por mim ele pode me processar 500 mil vezes. Eu não estou nem aí. Um cara como ele que já chamou Ludmilla de macaca (leia mais aqui)”, declarou.

Embora tenha sido processado pelo profissional do SBT, Uziel acredita que ele não comparecerá à audiência, mas o desafiou. “Eu quero que ele venha para pedir desculpas por estar me processando”, disse. “Eu estou doido que ele venha. Eu acho que ele não vem. Ele não tem coragem de vir á Bahia me encarar numa audiência em que ele fez chacota sobre bombeiros nordestinos. Acho que ele não tem essa coragem para tentar fazer alguma coisa com alguém que defendeu os nordestinos. Eu quero ver essa cara de pau dele”, acrescentou.

Nenhum comentário