Teste


Breaking News



Bolsonaro decide demitir secretário de Cultura após polêmica


O presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido) decidiu, na manhã desta sexta-feira (17), demitir o secretário especial de Cultura, Roberto Alvim, que foi criticado nas redes sociais após parafrasear o ministro da Propaganda de Hitler, Joseph Goebbels, durante pronunciamento que foi ao ar na noite da última quinta-feira (16). A informação foi divulgada pelo Estado de São Paulo.
De acordo com o periódico, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, já foi comunicado pelo presidente sobre a demissão de Roberto Alvim.

Nenhum comentário