Teste


Breaking News



Com bens bloqueados, Lula passa a receber salário como dirigente do PT



O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva começou a receber neste ano um salário como dirigente do PT. Além da remuneração do partido, o líder petista recebe uma aposentadoria como anistiado político, cerca de R$ 6 mil, por ter sido perseguido pela ditadura militar.
De acordo com o jornal O Globo, o valor do salário não foi informado pelo partido. Em junho do ano passado, a 13ª Vara Federal de Curitiba bloqueou R$ 77,9 milhões em bens do ex-presidente, conforme solicitado pelo Ministério Público Federal (MPF) no caso em que o petista responde pela acusação de ter recebido propina da Odebrecht por meio da compra de dois imóveis.
Em julho de 2017, O Tribunal Regional da 4ª Região (TRF-4) manteve a decisão do então juiz Sergio Moro de bloquear R$16 milhões de Lula no caso do Tríplex do Guarujá para reparar danos aos cofres públicos.
Também foram bloqueados R$ 606,7 mil por reparação de danos à Petrobras pela condenação por corrupção e lavagem de dinheiro. Além do valor depositado em quatro bancos — Caixa (R$ 123,8 mil), Banco do Brasil (397,6 mil), Bradesco (R$ 63,7 mil) e Itaú (R$ 21,5 mil) —, também foram bloqueados dois automóveis e quatro imóveis em São Bernardo do Campo (SP), sendo três apartamentos e o sítio Engenho da Serra, no Distrito de Riacho Grande.
Segundo a publicação, o salário do ex-presidente será equivalente ao de outros dirigentes da sigla. 

Nenhum comentário