Onibus apreendidos e comércio fiscalizado pelo poder público e forças policiais


O esforço conjunto das prefeituras, forças policiais e o judiciário busca coibir o transporte ilegal de passageiros na região, atendendo às dezenas de denúncias postadas por populares nas redes sociais, para que sejam cumpridos os decretos emitidos pelos governos municipais e Governo da Bahia, que determinaram o período de quarentena como forma de enfrentamento da pandemia do coronavírus.


Ações policiais foram registradas nas cidades de Santa Maria da Vitória, Correntina e Bom Jesus da Lapa, no Oeste da Bahia, além de outras operações realizadas em cidades da região Sudoeste, como Caetité e Riacho de Santana.



Em Bom Jesus da Lapa, o prefeito Eures Ribeiro anunciou uma ação pública no Ministério Público Federal contra a empresa Alicinha Turismo, que atua no transporte alternativo na região, por descumprir os decretos municipais de quarentena ao transportar passageiros de outros estados para a cidade.


Segundo Eures, a ação é necessária pois a empresa ignorou a lei e os avisos divulgados. O prefeito anunciou, ainda, a publicação de novo decreto para regularizar o funcionamento dos bancos e correspondentes bancários, no sentido de evitar as constantes aglomerações de clientes no interior dos estabelecimentos. Caso ocorram novas desobediências, as instituições podem ser fechadas na cidade.

O Tenente Coronel Normanha, comandante da 38a CIPM, informou a apreensão de um veículo que transportava passageiros de São Paulo para Serra do Ramalho, durante a manhã desta terça-feira (7). Segundo o comandante, a PM intensificará as operações durante a Semana Santa, devido à perspectiva de um aumento no fluxo de passageiros. O militar enfatizou, ainda, a importância das denúncias oferecidas pela população para auxiliar o trabalho policial.



O comandate da 30a CIPM, de Santa Maira da Vitória, Major França, divulgou vídeo no último domingo (5), afirmando que as operações serão intensificadas em todos os municípios atendidos pela Companhia. Vans e ônibus já foram interceptados na cidade, nos últimos dias, flagrados no transporte ilegal de pessoas oriundas de outras regiões, para as cidades do Oeste da Bahia.

Nenhum comentário