Teste

Automatic Slideshow

Breaking News

Câmara Rejeita Contas Da Prefeitura




com um placar elástico de 13 a 2, a Câmara de Vereadores de Luís Eduardo Magalhães, no extremo oeste baiano, reprovou as contas de 2013 do prefeito Humberto Santa Cruz (PP). 

A sessão ocorreu nesta terça-feira (6). Os únicos que votaram a favor de Santa Cruz foram os edis Jarbas Rocha e Voga Pelissari. De acordo com a vereadora Katerine Rios, relatora da Comissão de Finanças e Orçamento da Casa, o resultado era previsto. “Era esperado. Houve muitos desmandos. Não havia a menor possibilidade de aprovar essas contas. Muitas irregularidades foram feitas, o que não deixou margem para dúvida dos colegas”, disse em entrevista ao Bahia Notícias. 



Nesta quarta-feira (7), o gestor estará na berlinda mais uma vez, quando o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) julgará as contas referentes a 2015. Para os vereadores reprovarem as contas de 2013 se levou em consideração o relatório do TCM, além de acusação de fraudes em licitação. Um dos processos tem a ver com fraude no uso de combustível. A suspeita é que secretários da gestão utilizaram combustível para viagens em feriados e férias, usando cartão corporativo da prefeitura. Há ainda acusação de beneficiamento de famílias ligada ao gestor, denominado de “clã do alcaide”.

Nenhum comentário