Bolsonaro quer reunião com Câmara, Senado, STF e governadores



O presidente Jair Bolsonaro organiza uma reunião com os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Davi Alcolumbre, e do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli. O objetivo é que os três poderes discutam com governadores do Brasil os vetos do Planalto ao projeto de auxílio financeiro aprovado no Congresso.
O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), informou à CNN Brasil que a reunião deve acontecer nesta terça-feira (19). O encontro é visto como tentativa de Bolsonaro distensionar o ambiente político, já que ele tem apoiado manifestações inconstitucionais que pede o fechamento do Congresso e do Supremo.
O pacote de medidas que passou na Câmara e no Senado vão na contramão do que o governo federal está disposto a oferecer. De acordo com informações da CNN Brasil, o ministro Paulo Guedes (Economia) pediu que trechos fossem vetados.
Maia, autor da maior parte das mudanças, e Alcolumbre, relator da proposta, se incomodaram com a possibilidade de veto. Os dois informaram ao presidente a possibilidade de o Congresso derrubar os vetos.

Nenhum comentário