Teste

Breaking News

Justiça do Equador proíbe contratos com a Odebrecht






A Justiça do Equador proibiu instituições públicas de firmarem contratos com a Odebrecht.
A medida tem caráter preventivo, enquanto durar as investigações do Ministério Público sobre o esquema de corrupção que envolve o nome da empreiteira brasileira.
A Odebrecht é investigada no Equador por suspeita de pagamento de US$ 33,5 milhões em subornos a funcionários locais.
Além do Equador, o Panamá e Peru já anunciaram na semana passada que a empreiteira também seria excluída das licitações.

Nenhum comentário