Teste

Breaking News

Justiça Federal decreta bloqueio de bens de quase meio milhão de reais do prefeito de Macaúbas





Uma ação civil pública de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal (MPF) resultou no bloqueio de bens do prefeito de Macaúbas, no sudoeste baiano, Amélio Costa Júnior (PT), e de mais três pessoas. Além do gestor, estão na lista de alvos da indisponibilidade de bens Nilton Amaral Oliveira, Maria Sinhorinha da Silva Vieira e Osvaldo Alves Vieira Júnior. 
O juiz federal Antônio Lúcio Túlio de Oliveira Barbosa, titular da 1ª Vara Federal de Bom Jesus da Lapa, atendeu ao pedido liminar do MPF e determinou o bloqueio de bens até o montante de R$ 474 mil. A decisão foi publicada no Diário Oficial da Justiça Federal nesta sexta-feira (2).
O caso alvo da ação do MPF diz respeito a suposto ato de improbidade administrativa praticada pelo gestor na frustração da licitude e do caráter competitivo de uma licitação no município na área da educação.
O prefeito ainda pode recorrer contra a decisão.

Nenhum comentário