Teste


Breaking News

Bolsonaro não tem qualificação para vereador, diz Haddad


O candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, afirmou, neste sábado (13), que só por desinformação se poderia votar em seu adversário, Jair Bolsonaro (PSL).
Em uma roda de conversa com moradores da de um conjunto habitacional no bairro Raposo Tavares, na cidade de São Paulo, ele se dirigiu a uma mulher negra que acabara de discursar. A ela, Haddad pediu desculpas por afirmações de Bolsonaro, às quais chamou de grotescas.
“Nunca imaginei que um cara que afirmasse que um filho não casaria com uma negra porque foi bem educado pudesse estar no segundo turno”, disse.
Haddad ainda afirmou que Bolsonaro não tem qualificação para ser vereador ou deputado, “quanto mais para presidente”.
No centro de uma roda composta por jovens e MCs da periferia, Haddad prometeu universalizar o passe livre para estudantes em todo o país.
Ao encerrar esse breve discurso, ocorrido no centro de uma quadra urbanizada em sua gestão à frente da Prefeitura de São Paulo, Haddad pediu que seus apoiadores se mobilizassem em busca de votos que estariam prometidos a Bolsonaro.
Mencionando um cantor de Hip Hop que estaria entre os eleitores do capitão reformado, Haddad disse que “se a gente levar ao conhecimento desse companheiro o que o Bolsonaro pensa”, ele vai deixar de apoiar.
“Só por desinformação alguém pode votar conscientemente nessa figura que fala coisas tão grotescas contra negros, mulheres, nordestinos e contra Bolsa Família”, disse ele.

Nenhum comentário