Teste


Breaking News

Empresário é preso em Barreiras durante operação do Ministério Público





Um empresário, de identidade não divulgada, foi preso na manhã desta quarta-feira (18), em Barreiras, no oeste baiano, acusado de fazer parte de uma associação criminosa que atuava em Planaltina, município de Goiás. A prisão aconteceu no âmbito da Operação Chorume, deflagrada pelo Ministério Público de Goiás e que investiga fraudes em licitação para coleta de lixo e limpeza urbana na região.

De acordo com o MP-GO, os crimes aconteceram em 2017, durante a gestão do prefeito David Alves Teixeira Lima. As investigações ainda apontam que agentes públicos faziam parte do grupo, que desviava recursos públicos. Além disso, foram desvendadas fraudes na celebração de dois contratos administrativos entre empresas de locação de maquinário e construção, o que levou a um rombo nos cofres públicos de quase R$ 1,5 milhões.

O juízo da 2ª Vara Criminal da comarca de Planaltina expediu quatro mandados de busca e apreensão, três de prisão temporária e um de prisão preventiva para Planaltina; três de busca e apreensão, dois de prisão temporária e um mandado de prisão preventiva, em Brasília, além de três mandados de busca e apreensão, sendo dois deles contra pessoas jurídicas, e um mandado de prisão preventiva, para a cidade de Barreiras.

Nenhum comentário