Putin parabenizará presidente dos EUA após confirmação de resultado


Imagens da internet

 O presidente da Rússia, Vladimir Putin, parabenizará o próximo mandatário dos Estados Unidos apenas após a confirmação dos resultados oficiais das eleições, que segundo as projeções da imprensa americana tiveram o candidato democrata, Joe Biden, como vencedor.

A informação foi dada nesta segunda-feira (9) pelo porta-voz da chefia do governo russo, Dmitry Peskov.

No último sábado, Biden foi dado pelas projeções de alguns veículos de imprensa americanos como vencedor das eleições presidenciais, ao conseguir 290 delegados no próximo Colégio Eleitoral, que se reunirá em 14 de dezembro para, de fato, indicar o próximo presidente dos EUA.

"Quero dizer o seguinte: consideramos adequado esperar a informação oficial das eleições", explicou o integrante do Executivo liderado por Putin, em entrevista coletiva.

Peskov lembrou que o presidente da Rússia "já afirmou reiteradas vezes" que respeitará qualquer escolha do povo americano e que estará disposto a trabalhar ao lado de qualquer presidente que fosse eleito nos Estados Unidos.

"Entrar em acordo conjunto sobre as vias para normalizar as relações bilaterais, especialmente, porque uma parte significativa dessas relações, em particular a estabilidade estratégica e segurança, não dizem respeito só a nossos povos, mas sim, de fato, a todos os povos do mundo", disse o porta-voz.

Um dos temas a que Peskov se referiu é o controle para a redução de armas nucleares, cujo único acordo em vigor entre as potências mundiais, o Start 3 ou Novo Start, expirará em 3 de fevereiro.


Fonte: R7


Nenhum comentário